PORTO ALEGRE: Av. Borges de Medeiros, nº 328 / 5º andar SÃO JERÔNIMO: Av. Rio Branco, nº 365

Seu e-mail foi cadastrado com sucesso.

Por Isadora Forbrig

30/03/2021

Auxílio Emergencial 2021

Por Isadora Forbrig | 30/03/2021

Saiba o que mudou e conheça as regras:

Visando diminuir os impactos econômicos em consequência da pandemia do COVID-19, em 2020 foi criado o Auxílio Emergencial, benefício direcionado aos trabalhadores informais e de baixa renda, microempreendedores individuais e também contribuintes do INSS.

Recentemente foi regulamentado o pagamento do Auxílio Emergencial em 2021. Serão quatro parcelas pagas a partir de abril.

O que mudou?

O novo decreto detalha uma série de mudanças significativas. Destacamos as regras de recebimento e os valores definidos:

Ficou decidido que em 2021 apenas uma pessoa da família poderá receber o benefício.

As famílias beneficiárias do Bolsa Família poderão receber o Auxílio Emergencial como substituinte, caso seja mais vantajoso.

Quem vai poder receber?

Trabalhadores informais ou beneficiários do Bolsa Família com renda familiar mensal de até três salários mínimos (R$ 3.300,00). Também fica limitada a renda até meio salário mínimo (R$ 550,00) por pessoa da família.

Qual será o valor do benefício?

Serão pagas 04 parcelas do benefício a partir de abril e o valor é estabelecido de acordo com a condição do beneficiário:

  • R$ 150,00 para o beneficiário que morar sozinho;
  • R$ 250,00 para o beneficiário que morar com mais de uma pessoa da família não chefiada por mulher;
  • R$ 350,00 para a beneficiária mulher chefe de família.

Ainda posso solicitar o benefício?

A resposta, infelizmente, é não!

O governo irá reanalisar os cadastros feitos em 2020. Caso o beneficiário se adeque às novas regras, receberá o benefício automaticamente em sua conta digital.

O calendário de pagamento ainda não foi divulgado, fique atento às próximas notícias.

Juntos, somos muito mais fortes.