PORTO ALEGRE: Av. Borges de Medeiros, nº 328 / 5º andar

Seu e-mail foi cadastrado com sucesso.

Por Patrícia Peltz

Advogada Previdenciária

19/10/2022

Planejamento Previdenciário: saiba por que planejar é preciso (e investir também)

Por Patrícia Peltz | 19/10/2022

O Planejamento Previdenciário é importante, pois planejar é preciso, especialmente quando falamos de investimentos para o futuro. Financeiramente tendemos a planejar cada gasto, especialmente aqueles essenciais, como comida, plano de saúde e escola, por exemplo. Mas por que o planejamento do futuro quase nunca entra nessa lista de essencialidades?

Ou então, por que estamos acostumados a pensar que investimento financeiro é algo tão distante da nossa realidade? Contribuinte da Previdência, nós precisamos te contar algo: você já é um investidor e, com a ajuda do Planejamento Previdenciário, isso pode te garantir um futuro mais tranquilo.

Vamos juntos descobrir o que esperar deste “investimento” na previdência?

O que é o Planejamento Previdenciário?

Realizamos o planejamento Previdenciário como um estudo da vida contributiva do segurado. Nele nós analisamos investimentos passados assim como as possibilidades futuras de investimento. Com este estudo podemos compreender algumas coisas importantes, te damos alguns exemplos:

  • em primeiro lugar, quando é o melhor momento para a aposentadoria;
  • da mesma forma, quanto foi investido até data da planejamento;
  • se há necessidade de continuar contribuindo;
  • prever qual renda será atingida;
  • em quanto tempo vai obter o retorno sobre o que investiu.

O Planejamento Previdenciário é para você, afinal?

Você sabia que apenas 99% dos aposentados NÃO consegue arcar com os seus próprios custos hoje no Brasil? Em qual grupo você quer estar? Se a resposta foi que você quer estar junto do 1% então sim, o Planejamento Previdenciário é para você.

Para isto você precisa ser ou desejar ser contribuinte da Previdência. Nesse sentido, você pode ser empregado, contribuinte individual (autônomo e prestadores de serviços), contribuinte facultativo, entre outros.

São muitas vantagens, mas como é feito o Planejamento Previdenciário?

Em síntese o planejamento é desenvolvido por profissionais especialistas na área previdenciária observando os seguintes critérios: a legislação vigente e utilizando cálculos capazes de esclarecer qualquer dúvida relacionada a valores desembolsados, renda a ser alcançada e tempo mínimo para começar a receber o benefício.

Apenas o Planejamento Previdenciário é vantajoso para uma aposentadoria mais tranquila?

A resposta é NÃO! O Planejamento Previdenciário existe para estudar as contribuições passadas e prever as possibilidades futuras, mas existem outros meios interessantes quando o tema é aposentadoria. Veja abaixo:

“Estou próximo de me aposentar e não acho vantajoso realizar o Planejamento Previdenciário agora”:

neste caso nós oferecemos um serviço de análise de concessão do benefício. A partir disso, podemos prever qual a data da aposentadoria e a renda obtida.

“Já sou aposentado, mas não tenho certeza se recebo o benefício corretamente”:

oferecemos um serviço de revisão da aposentadoria, no qual conferimos as possibilidades de aumentar a renda do segurado que teve o benefício concedido de forma equivocada pelo INSS.

“Fiquei algum tempo sem contribuir, como recuperar o tempo?”:

realizamos cálculos para conferir quanto deve ser pago ao INSS para validar o período não pago regularmente.

Se interessou pelas opções e quer planejar o seu futuro também?

Nossa equipe de Direito Previdenciário está pronta para te atender e encontrar as melhores soluções para o seu caso. Clique aqui e conheça quem pode te ajudar a planejar.

Você ficou com dúvidas sobre o Planejamento Previdenciário ou precisa de apoio em outras questões relacionadas à aposentadoria? Entre em contato conosco, nossa equipe previdenciarista está disponível para lhe ajudar. Clique aqui e converse conosco.

Notícias Relacionadas